Relatórios de sustentabilidade ganham importância nas empresas

Por meio de um levantamento feito pela KPMG, no qual 5.200 companhias participaram, foi relatado que, 85% das empresas elaboram relatórios de sustentabilidade. Além disso, 72% delas seguem as diretrizes estabelecidas pela Global Reporting Initiative (GRI), uma instituição global independente que é responsável por medir o desempenho sustentável de empresas, ONGs e repartições públicas, assim como ajudá-las a entender seus impactos ambientais. 

Os relatórios de sustentabilidade permitem às empresas desenvolver uma estratégia de gestão voltada para o futuro, com base nas informações sobre os impactos negativos ou positivos da sustentabilidade. Em um mundo dinâmico, no qual o âmbito econômico, social e ambiental tem o mesmo peso que o financeiro, é muito importante que as empresas se posicionem e ajudem a conscientizar as pessoas.

As mudanças climáticas são um risco para os negócios 

Mais de 2.000 empresas reconhecem que as mudanças climáticas são um risco para os negócios, não apenas pelos fatores físicos, como o aquecimento global, como também pelos impactos gerados por novas regulamentações, que podem ocasionar em riscos financeiros. Portanto, é necessário que as empresas estejam preparadas. 

É importante que as companhias realizem um plano de gestão sustentável incorporado à estratégia corporativa, pois influenciará diretamente no diálogo com acionistas e investidores. Além disso, o posicionamento diante das mudanças climáticas se torna cada vez mais fundamental para os consumidores e stakeholders.

O Brasil ainda tem um longo caminho a percorrer, mas o número de empresas que fazem relatórios sustentáveis cresce a cada ano. No levantamento da KPMG, 100 empresas brasileiras participaram, sendo algumas delas com receita entre 1 bilhão e 20 bilhões de dólares, que representam 25 setores da economia. 

Entre as especialidades da Alliance Comunicação está a elaboração de Relatórios de Sustentabilidade, por ser uma ferramenta estratégica para olhar e suportar decisões com foco em sustentabilidade e responsabilidade social. A documentação também incentiva a transparência nos impactos críticos e relevantes de natureza econômica, social e ambiental, além de trabalhar a confiança e a reputação da empresa, por ser, cada vez mais, de interesse público.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email